domingo, 29 de abril de 2012

Quem inventou o photoshop?


Thomas Knoll inventor do Photoshop

Thomas Knoll é um engenheiro de software estadunidense nascido em Ann Arbor,Michigan, sendo mais conhecido por ter iniciado o desenvolvimento do "PhotoShop",  (com seu irmão John Knoll), hoje propriedade da Adobe Systems. Ele continua como chefe da equipe de desenvolvimento até a versão CS4.

Thomas Knoll era um candidato a doutorado em computação e estava tentando escrever, em separado de sua tese de doutorado, um programa de computador para exibir imagens em escala de cinza em um monitor em preto e branco. Como não havia relação nenhuma com sua tese de doutorado, ele achou que não valia a pena. O programa foi batizado de "Display", e Thomas o programou em casa, em seu computador Macintosh Plus pessoal. O programa chamou a atenção de seu irmão John, que trabalhava na Industrial Light and Magic deGeorge Lucas, que pediu a Thomas para que fizesse com que o programa fosse capaz de processar arquivos de imagem digital.

Com a ajuda do pai, um professor da Universidade de Michigan, John comprou um Macintosh II, o primeiro computador com monitor colorido para Thomas, que reescreveu o programa "Display" para funcionar com cores. A partir daí, John e Thomas passaram a colaborar na expansão do software. Até 1988, Thomas estava relutante em lançar o programa comercialmente, por achar que não valia a pena. O nome "Photoshop" veio depois, após muitas mudanças de nome; todos os nomes pensados por Thomas já haviam sido usados por outros programas. Ao conversar com um amigo e dizer que ele não sabia que nome dar, esse amigo (que Thomas não lembra quem foi) sugeriu "PhotoShop", e assim o programa foi batizado.

John começou a procurar por alguma empresa interessada em investir no software no Silicon Valley, distribuindo versões de demonstração do programa, enquanto continuava a pressionar Thomas a incluir novas funcionalidades. John chegou a incluir um manual, escrito por ele próprio, para ajudar na compreensão do software. John conseguiu atrair a atenção de uma empresa fabricante de scanners chamada Barneyscan. Um acordo foi fechado e a primeira distribuição do programa foi chamada "Barneyscan XP", com cerca de 200 cópias.

Pouco tempo depois, John foi contactado pela Apple Inc., onde o programa havia feito sucesso entre os engenheiros, para deixar algumas cópias. Os engenheiros da Apple fizeram várias cópias e distribuíram entre os amigos — este foi o primeiro caso de pirataria do Photoshop que se tem notícia. A Adobe, seduzida pelas funcionalidades do programa, acabou por comprar o Photoshop, lançando a versão 1.0 em 1990.

O Adobe Photoshop é um poderoso aplicativo para edição de imagens digitais, reconhecido mundialmente como principal da sua categoria.

Fonte: Mirã Teles CG


Para informação dos leitores do blog "Os Güelos". 
O uso de Photoshop e outros programas de manipulação de imagem já gerou muita polêmica, especialmente no meio publicitário. As imagens editadas no photoshop perderam a  naturalidade e caminham cada vez mais para o irreal.

Está circulando um novo Projeto de Lei obrigando que seja informado a manipulação da imagem em materiais publicados. A pena para quem desrespeitar a lei pode ser apenas uma advertência, obrigatoriedade de esclarecimento ou, na pior das hipóteses, uma multa que varia entre R$ 1,5 mil e R$ 50 mil, sendo cobrado o dobro em caso de reincidência.

Isso que está acontecendo é falta de conhecimento do programa e falta de conhecimento estético anatômico. Para editar ou retocar imagens é necessário saber desenhar e pintar em papel. É preciso conhecer bem a anatomia humana, os efeitos de luzes e sombras e ter um bom conhecimento de cores.

É fácil culpar o programa photoshop pelos absurdos que estão acontecendo por aí. O photoshop ainda não trabalha por conta própria, quem edita a imagem é o responsável.

É preciso qualificar o editor de imagens. Se isso não acontecer vamos continuar vendo absurdos gerados pela falta de conhecimento.

Um comentário:

  1. Muito bom esse Progama ... Da pra fazer bastante coisa !

    ResponderExcluir